Copywriting: Como Fazer Alguém Abrir Seu E-mail

By André Gibran

abr 23
copywriting

Hoje recebi um e-mail do Juliano Torriani, expert em marketing digital, com o seguinte título:

copywriting e-mail marketing juliano torriani

Fiquei curioso, claro, afinal não comprei nada...

Recentemente tive meu cartão de crédito clonado e fiquei com medo de alguém ter feito compras no meu nome. Mas seria muito coincidência fazerem compra de curso online, ainda mais de pessoas que eu costumo seguir!

Comecei a desconfiar que era estratégia de copywriting pra que eu abrisse o e-mail. E era!

Ao abrir o e-mail, vejo isso:

Ou seja, o título chamativo, gerando curiosidade, não era de fato uma compra que eu tinha feito. Isso foi explicado pelo copywiter (pessoa que escreveu o e-mail) ao dizer que o termo "Parabéns pela sua compra!" é o que o meu cliente iria receber na caixa de entrada dele.

Necessidade de Diversidade | Gatilho da Curiosidade

Todo ser humano tem 6 necessidades humanas básicas. Pra saber tudo sobre isso, CLIQUE AQUI pra ver um vídeo especial que fiz sobre o assunto no YouTube.

Uma dessas necessidades é a necessidade de diversidade.

Todos nós precisamos de estímulos que nos tirem da mesmice. Coisas que chamem nossa atenção por serem diferentes do que estamos acostumados a lidar no dia-a-dia.

Com certeza um e-mail que me parabeniza por uma compra que eu não fiz é algo diferente! Isso gera um sentimento em mim. Me deixa apreensivo, um tanto assustado. Sem dúvida, fico curioso pra ler mais e saber o que está acontecendo.

Copywriters em geral chamam isso de "gatilho mental da curiosidade". Eu não gosto de chamar assim. As pessoas foram criando muitos gatilhos mentais, dando diferentes nomes a eles, e a ciência da COPYWRITING foi ficando cada vez mais complexa.

Todos os gatilhos derivam de uma das 6 necessidades humanas, e saber disso faz com que você aprenda Copy muito mais rapidamente.

No vídeo a seguir eu faço uma análise de copywrite de dois pentes de barba, usando as 6 necessidades humanas:

Minha opinião sobre a tática utilizada no e-mail

Funcionou. Essa é a primeira observação.

Então sim, dá pra você usar isso nos seus e-mails.

Mas vai funcionar sempre? O que vai acontecer se você sempre mandar esse tipo de título pra sua audiência?

Vão sacar você. Vão entender que é só mais uma tática pra que abram. Podem, inclusive ficar irritados com você.

Então é uma tática que você pode usar, mas com moderação.

Quer saber mais sobre Copywriting?

Se você gosta desse assunto e quer que eu crie mais conteúdo sobre isso, deixe um comentário abaixo!

E pra saber exatamente o que é Copywriting, veja o vídeo:

Follow

About the Author

Em 2013 eu larguei meu cargo público no Tribunal de Justiça de SP pra viver de marketing digital (uma baita galera me criticou por isso...). Essa acabou sendo a melhor decisão de minha vida! Desde então já ajudei milhares de pessoas a usarem o poder do Copywriting pra construir vida nova fazendo algo que amam!

>